-->

domingo, 31 de agosto de 2014

Sinal de vida + Minha casa no HomeSweetener

G
ente querida (se é que ainda tem alguém aí, lendo esse blog!). A carência de posts impera por aqui, né? Isso me deixa triste, pois adoro a terapia que faço através deste modesto blog. Mas, infelizmente, a baixa frequência de posts ainda deve reinar por algum tempo. Espero que compreendam e não me abandonem :( 
O motivo é que estou fazendo um curso, relacionado a minha ocupação oficial (aspirante a blogueira é a extraoficial kkk!) e ele está exigindo muita dedicação. Sem falar que é bem distante de minha casa, então saio muito cedo e chego muito tarde. Mas, daqui uns meses volto, aperfeiçoada ;) Tenho certeza que os aprendizados servirão para melhorias aqui também, pois sou daquelas que colhe inspiração em qualquer lugar.

Por hora, duas notícias bacanas:
1. Dia 05/set vai ter post bem legal pro desafio DIY Coletivo. Eu me organizei e preparei o projeto com bastante antecedência! Foco, organização e menos procrastinação! Lembra? 

2. Minha casa tá no HomeSweetener, blog que a queridona Erica ("the boss" do DIY Coletivo SOS Decor) escreve lá da Austrália! Tô muito chique, né? Pois é! Aceitei seu convite, e agora minha casa tá lá na coluna Casa de Blogueira. Te convido a visitar. Aceita? Por aqui, então. :)


terça-feira, 5 de agosto de 2014

DIY COLETIVO: Operação ressurreição ou Trazendo de volta à vida um móvel mortinho


Mais um mês se passa e já está na hora da blogagem coletiva da Equipe SOS Decor. Hoje trazendo de volta à vida um móvel mortinho, coitado! 
Minha escolha foi uma cadeira de balanço que ganhamos há alguns anos. A história é a seguinte: meu sogro foi submetido a uma cirurgia e passou por algumas restrições. Daí que nós tínhamos uma chaise longue que seria mais confortável para ele, na ocasião, do que a poltrona de seu escritório. Então nossa chaise mudou-se para a casa de meu sogro e não voltou mais. :) Sem traumas, fiquem tranquilos! Ficamos felizes pois foi realmente útil a ele. Bem mais do que era em nossa antiga casa. O fato é que ele quis nos dar algo em retribuição e nos presenteou com uma cadeira de balanço em madeira escura. Por muito tempo, ela ficou assim em nossa casa. Ganhou almofadas, perdeu almofadas, ficou na sala, ficou escondida... Mas não pensamos em nos desfazer dela, pelo presente e também pois a madeira é de ótima qualidade. Até que tivemos um cachorro destruidor, que roeu partes da madeira. Algo precisava ser feito. E foi a partir dessa inspiração que me resolvi por fazer um móvel branco desgastado, lembrando o estilo provençal.
"Abro parênteses" pra te contar que o estilo provençal deriva do modo de vida simples da região sudeste da França, a Provença. Nenhuma novidade. Garanto que você já sabia disso, não é mesmo? Mas você sabia que a origem deste estilo remete ao período entre os séculos 16 e 17, quando as famílias camponesas adaptavam o estilo de decorar da época, usando os recursos que tinham para "imitar" as casas da corte? Sabia não, confessa! Daí que eles usavam uma mistura de gesso e cola para cobrir os defeitos de móveis feitos com diferentes tipos de madeira e pouca qualidade. Com o tempo, essa mistura se desgastava dando ao móvel uma aparência envelhecida. E... "corta" para os dias atuais, temos o adorado  e internacionalmente conhecido, "French Country Style". :)


Desta vez não vou mostrar através de passo-a-passo, pois as fotos simplesmente ficaram terríveis. Fotos de uma cadeira lixada, depois fotos de uma cadeira branca, depois fotos da mesma cadeira desgastada, num "cenário de apocalipse", todo forrado de jornal e fita crepe. Conseguiu imaginar? Terrível, né? Sem falar que o pessoal aqui reclamou muito da confusão, pois é claro que não dá pra fazer tudo em um dia. Demora, viu? Tanto que até deixei um tempo (tempão, confesso!) a cadeira toda remendada, em plena sala, como na foto do meio ali em cima.
Depois de histórias, motivações, e causos (kkk!) te conto como fazer uma transformação assim. Vou te dizer o que precisa e te contar como fiz, porque não tem mistério algum, ok?

Você vai precisar de:
1. Massa corrida ou massa especial para imperfeições em madeira. Se você fizer exatamente como eu, pode usar a massa corrida branca, sem medo. Opte pela massa especial para madeira, caso finalize com outra cor que não o branco, evitando assim, tons diferentes no móvel pronto.
2. Fita crepe.
3. Lixas variadas. Você deve "sentir" qual lixa o móvel aguenta sem danificar. Eu usei uma lixa mais grossa para a primeira etapa e finalizei com lixa fina. Quanto maior o número, mais fina é a lixa, ok?
4. Tinta spray branco fosco. Usei duas latas.
5. Verniz spray fosco.

E vai fazer assim, ó:
1. Lixe a cadeira inteira. O objetivo é retirar o verniz. Use uma lixa mais grossa, mas vá com calma pra não deixar a cadeira riscada. Se for preciso, troque para uma lixa mais suave.
2. Limpe a cadeira com um pano úmido, para remover todo o pó e deixe secar bem. 
3. Com a fita crepe, proteja as partes metálicas (as molas do balanço).
4. Proteja muito bem o ambiente no qual você vai realizar a pintura, com jornal, papelão... Enfim, você quer pintar apenas a cadeira, não um ambiente inteiro, né?
5. Pinte com aquela orientação geral pra tinta spray: primeira demão superficial, sem pretensão de cobrir tudo logo de cara, ok? Dê quantas demãos forem necessárias para cobrir bem o móvel. Eu dei três demãos e depois mais uns retoques em algumas partes.
6. Depois da tinta bem seca, use a lixa mais fina para desgastar várias partes da cadeira, caprichando nos contornos, simulando o desgaste natural pelo uso.
7. Limpe bem, retirando toda a poeira.
8. Finalize com verniz fosco.



Agora só falta um pelego macio sobre a cadeira, não acha? Vou providenciar. Mas isso vai ter que esperar, porque se eu te contar a correria da minha vida, você vai ficar com pena de mim. Este post só está aqui hoje porque realizei este projeto com bastante antecedência. ;)

E você, bora conhecer as operações das outras colegas da equipe SOS Decor? Clique nas imagens abaixo, se inspire bastante e mande seu projeto pra gente divulgar lá na fanpage do DIY Coletivo, tá?








O DIY Coletivo SOS Decor é um coletivo de blogueiras que adoram um desafio para transformar, elas mesmas, suas casas em verdadeiros "sweet homes". Aqui o bom, bonito e barato se encontram sob forma de boas ideias. Visite nossa fanpage. Você pode participar também.

terça-feira, 29 de julho de 2014

'Save the Date' criativo


Muito bacana este "Save the Date" dos catarinenses Stéphanie e Davi. Eles fizeram cartões tipo postais e marcadores de livros. Achei bem legal!
A foto pode ser feita numa parede lisa e trabalhada com ilustrações à mão usando aplicativos para iPad ou mesa digitalizadora wacom.


via icasei

terça-feira, 22 de julho de 2014

Tripulação de cactos e suculentas


Dia desses, organizando a bagunça, encontrei uma "Lista de Sonhos" da filhota. Não sei ao certo quando ela a escreveu. O fato é que estavam listadas coisas como "ter o poder de voar", "ter olho de águia"... mas também tinham coisas tão simples, como a última da lista: "ter um jardim de cactus e suculentas". 



Ela já tinha um cacto que cuidava com carinho desde que "seu irmão" (Caco, o Cacto) morreu. Aí eu perguntei se ela ainda gostaria de um jardim de cactos só dela. E dei a ideia de usar o avião da Barbie que ela herdou da prima e com o qual quase não brincava mais. Ela adorou. Então fomos atrás de vasinhos lindinhos e de mais algumas plantinhas. E agora temos cinco a bordo. :)


Bônus:
1. Esse .gif aí em cima, foi feito com o app Party Party, das meninas do A Beautiful Mess.
2. Veja um post sobre como prolongar a vida de arranjos florais.
3. Veja também dicas para cultivar uma horta em apartamento.

sexta-feira, 18 de julho de 2014

INSPIRAÇÃO: Decor arco-íris - Rainbow decor


Um dia chuvoso pode ser deprimente, mas não há quem não se alegre ao ver um arco-íris. Assim podem ser nossos dias, mais ou menos nebulosos, mas sempre passíveis de alegria, de humor.


Um arco-íris surge quando a luz solar incide sobre gotículas de água suspensas (umidade pós chuva). 


Então os raios solares sofrem um fenômeno chamado refração, que provoca dispersão, isto é, a separação da luz branca nas diversas cores que a compõem, pois cada cor é desviada em ângulo diferente. Lembra quando aprendemos sobre prismas na escola? 


Tudo acaba quando a incidência solar muda de posição ou quando a umidade do ar se dissipa.


Hoje a "umidade relativa" do blog está sensacional. Consegue ver as gotículas suspensas na tela? :) 


O sol brilha sobre os leitores em ângulo ideal. Não se deixem dispersar. Deixem-se inspirar por esse fenômeno colorido.





Fontes das imagens e mais algumas inspirações coloridas nesse meu mural do Pinterest.
Fontes sobre o arco-íris: Brasil Escola / Mundo Estranho

sábado, 5 de julho de 2014

FRUTEIRA SUSPENSA P/ DIY COLETIVO: decor de armarinho

Sempre me inspiro muito ao entrar em um armarinho e ver aquelas estantes imensas cheias de cordas, cordões, barbantes, fitas e até correntes de todas as cores, texturas, espessuras... Assim, passeando pelo armarinho a fim de encontrar inspiração pro desafio deste mês para o DIY Coletivo da Equipe SOS Decor, não foi diferente: parei logo na entrada em frente a uma dessas estantes imensas. 
A primeira ideia que me veio à mente, foi fazer uma fruteira de macramê, com a técnica que a Erica usou no DIY com fios, lembra? Mas logo pensei: 1. zero de originalidade! 2. Cá entre nós, iria ficar parecendo simplesmente um saco pendurado no teto. kkk! Mas eis que, na lojinha ao lado, eu tinha visto uma peça de jogo americano redonda, então surgiu uma ideia tipo "mix de ideias". Usei um tiquinho do macramê e a peça redonda, pra fazer, não uma mesa suspensa (como essa aqui), mas uma fruteira suspensa!

E como vocês já sabem, aqui a gente dá a ideia e também mostra como se faz tim-tim por tim-tim. Então vamos aos materiais e ao PAP, que não tem mistério algum.
Uma pequena observação quanto aos materiais que aparecem na imagem: verifique que passei um 'X' no cortador redondo. Minha intenção era cortar os retalhos de couro com ele. Mas não consegui! Usei apenas tesoura, como você verá no PAP a seguir.

1. Meça a altura do teto até onde quiser que termine sua fruteira contando um pouco a mais, já que serão necessários alguns nós (no meu caso, esta altura foi de 2,5m). Corte o cordão num tamanho correspondente a 8 vezes a altura que você mediu (considerando minha altura, foram 20m de cordão).
OBS 1.: Se você optar por uma corda mais grossa, algo mais rústico e firme, pode cortar apenas o correspondente a 4 alturas (10m). No meu caso, dobrei a medida, pois deixei o cordão duplo.
2. Corte os 20m em 4 pedaços de 5m. Dobre ao meio os quatro pedaços juntos e dê um nó simples deixando um laço na ponta.
OBS 2.: Caso use cordão simples, corte os 10m em 2 pedaços de 5m, dobre ao meio e dê o nó.
3. Você terá, a essa altura, um laço com 2,5m de comprimento e oito pontas. Não se preocupe se as pontas desfiarem um pouco. Depois faremos o acabamento, pois pode ser necessário cortar um pouco ao final.

4 e 5. Agora prepare o gancho do qual a fruteira penderá do teto. Fure, observando a distância ideal da parede e/ou de outros móveis e então, coloque a bucha e o gancho.
6. Pendure o laço de 2,5m com suas 8 pontas no gancho.

7. Prepare a base da fruteira, cortando quatro pedacinhos redondos de couro com 2,5cm de diâmetro cada.
8. Com um estilete, corte uma cruz ao meio de cada pedacinho de couro. Por ali vão passar os fios de cordão.
9. Marque, com giz ou canetinha, quatro pontos equidistantes na peça de jogo americano.

10. Com estilete, desmanche um pedacinho da costura do jogo americano, nos quatro pontos marcados.
11. Passe duas pontas de cordão através de cada um dos 4 pontos de costura desmanchada. Eu usei uma agulha de crochê pra facilitar.
12. Posicione a base da fruteira na altura que desejar e, com agulha e linha preta, arremate cada um dos quatro pontos onde a costura foi desmanchada e pelos quais passaram os cordões.

13. Passe os cordões duplos pelos pedaços de couro previamente cortados e dê um nó rente ao couro, para arrematar.
14. Faça um macramê simples, unindo cada uma das pontas dos cordões duplos a suas "vizinhas" com um nó. Abaixo, junte todas as pontas num nó final.
15. Corte o excesso de comprimento, caso seja necessário, e faça o acabamento das pontas, queimando-as com auxílio de fósforo ou isqueiro, para que não desfiem.
Pronto! Agora é só colocar as frutas!


Um "close" de cada ângulo. E uma visão geral da localização na minha cozinha. :)
Eu curti o resultado, apesar de meu marido ter achado que ficou parecido com meu chapéu de praia. kkk!


Agora, te convido a dar uma olhada no que as outras colegas da Equipe SOS Decor aprontaram. É só clicar nas imagens abaixo:



* E não esqueça de conferir aqui o que já rolou nas edições anteriores do DIY Coletivo SOS Decor.



O DIY Coletivo SOS Decor é um coletivo de blogueiras que adoram um desafio para transformar, elas mesmas, suas casas em verdadeiros "sweet homes". Aqui o bom, bonito e barato se encontram sob forma de boas ideias. Visite nossa fanpage. Você pode participar também.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...