-->

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Quadrinho montado


Então eu resolvi montar um quadrinho. Olha que legal! Eu gostei muito do resultado. 
Primeiro um quadro de madeira tipo tijolinho, fixado na parede com dupla face. Depois um prego, uma moldura e um passarinho pra dar uma bossa. :)


De quebra, te dou uma dica pra pregar o prego sem martelar o dedo e sem errar o prego e martelar a parede (quem nunca? :)). Use um prendedor de roupa pra segurar o prego. Olha só:


Não sei se foi só a foto, ou se ficou meio tortinho mesmo, mas ao vivo achei que ficou bem bacana de qualquer jeito ;) Curtiu? Me conta?

* .gif feito com PartyParty app.
* Decorar com passarinhos? Você já viu por aqui. E aqui também :)

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Presente DIY pro dia do Professor - Teacher survival kit


Precisando de uma ideia de última hora pra presentear o professor do seu filhote?
Olha essa da Vanessa, do blog Tried & True. Muito bacana, não acha? Um kit de sobrevivência cheio de coisinhas úteis e carregado de significância no rótulo.
Se seu filho estudar em escola bilíngue, você nem vai precisar adaptar a ideia, pois a Vanessa disponibilizou o rótulo para download. É só você imprimir aí na sua casa.


E a última dica da Vanessa é: Não esqueça o chocolate. Afinal, que kit de sobrevivência pode ser completo sem chocolate? :) Um amor, não acha?

sábado, 4 de outubro de 2014

Inspiração DIY: cadeira estofada


Oi gente boa! Saudades daqui! Infelizmente ainda não há tempo pra projetos made by Karen, mas logo, logo haverá!
Hoje trago esse projeto lindo da Tasha, uma designer presa no corpo de uma advogada (adoro o nome do blog :) Ela escolheu um tecido lindíssimo e "estofou" uma cadeira usando apenas cola branca, estilete e spray dourado.


Veja o PAP detalhado aqui. Simples e com um efeito lindo. E veja só a lindeza que ficou a cadeira no Craft room da Tasha. 


Pra finalizar, confira aqui todos os detalhes da transformação deste lindo cômodo.
Beijo e até breve ;)

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

DIY Coletivo: Estampando a brasilidade em casa

Quem me segue no Instagram (@potpourridakaren) viu um pequeno spoiler desse diy por lá, há pouco mais de um mês, no pós Copa, quando lancei uma campanha por enfeitar as casas e as ruas com as cores de nossa Bandeira, não apenas a cada 4 anos, por ocasião da Copa, mas todos os anos, no 7 de setembro. Por que não? Ainda dá tempo. Pode ser uma Bandeira pendurada na janela, bandeirolas espalhadas pelo hall de entrada do prédio, uma mesa posta em verde, amarelo, azul e branco, ou até mesmo uma fruteira especial cheia de bananas, limões... Que tal? O importante é levar um pouco de patriotismo ao 7 de setembro. A maioria de nós encara o dia apenas como um feriado, um dia sem trabalho. Não comemoramos, afinal pouco nos orgulhamos do nosso país. Isso é triste, mas é a realidade. No entanto o que é o país, se não o seu povo. Isso mesmo, o clichê "O Brasil somos nós!"

É claro que exercer o patriotismo vai muitíssimo além de colorir a casa de verde e amarelo. Mas quem sabe se começarmos assim... Se uma vez por ano, tivermos um dia verde e amarelo de verdade. Quem sabe assim não seria um início de mudança, de nós mesmos, de nossas atitudes em relação ao outro, ao vizinho, ao bairro, à cidade e ao país? #prapensar
Então te convido a me acompanhar nessa e enfeitar a casa com esse diy bacana, não só pro 7 de setembro, mas pro ano todo. Que tal?


Reuna os materiais acima e me siga num pap super simples:

1. Primeiro pinte de azul a tela e de amarelo o vasinho.

2. Desenhe o Cruzeiro do Sul (ou Crux) com marcador permanente (caneta Sharpie) em um pedacinho de contact. Eu pesquisei uma imagem no Google (pois queria manter a proporção entre as estrelas), imprimi e usei como guia pra fazer meu desenho.
3. Com o estilete, recorte as estrelas no contact.

Intervalo "Curiosidades":
Na Bandeira Nacional Brasileira, o Distrito Feral e cada Estado da Federação estão representados por uma estrela. Seus criadores tiveram a intenção de estampar as estrelas na Bandeira reproduzindo as estrelas do céu do Rio de Janeiro às 8h30 do dia 19 de novembro de 1889, local e data da Proclamação da República. No entanto, na Bandeira, as estrelas e constelações aparecem invertidas, isso porque as estrelas foram posicionadas como se estivessem sendo vistas por um observador desde o espaço cósmico, fora da esfera celeste. Não encontrei uma explicação do porquê, mas isso é até previsto em Lei, viu? (Lei 5.700, de 01 set 1971, alterada pela Lei 8.421, de 11 maio 1992).

Continuando...
4. Use o contact recortado como um estêncil, colando-o no quadrante superior direito da tela e pintando as estrelas com o bastão de ponta esponja. Você pode também usar um pedacinho de espuma ou esponja de lavar louça.

5. Agora fixe o vasinho com a fita dupla-face (pode ser também com cola quente) no quadrante inferior esquerdo da tela, corte o excesso de caule das flores e arranje-as no vasinho.



Mais um pro meu corner criativo mutante!



Pra finalizar, uma novidade: desafio a Gabrielle, do blog Eu, eu mesma, Gabrielle, a nos inspirar com uma décor brasuca até o final deste mês. ;)

No mais, você já sabe, né? Bora prestigiar a brasilidade das outras meninas da equipe SOS Decor! E olha que tem casa enfeitada até fora do Brasil! É só clicar nas imagens abaixo.




O DIY Coletivo SOS Decor é um coletivo de blogueiras que adoram um desafio para transformar, elas mesmas, suas casas em verdadeiros "sweet homes". Aqui o bom, bonito e barato se encontram sob forma de boas ideias. Visite nossa fanpage. Você pode participar também.

Veja aqui, o que já rolou nas edições anteriores do DIY Coletivo SOS Decor.

domingo, 31 de agosto de 2014

Sinal de vida + Minha casa no HomeSweetener

G
ente querida (se é que ainda tem alguém aí, lendo esse blog!). A carência de posts impera por aqui, né? Isso me deixa triste, pois adoro a terapia que faço através deste modesto blog. Mas, infelizmente, a baixa frequência de posts ainda deve reinar por algum tempo. Espero que compreendam e não me abandonem :( 
O motivo é que estou fazendo um curso, relacionado a minha ocupação oficial (aspirante a blogueira é a extraoficial kkk!) e ele está exigindo muita dedicação. Sem falar que é bem distante de minha casa, então saio muito cedo e chego muito tarde. Mas, daqui uns meses volto, aperfeiçoada ;) Tenho certeza que os aprendizados servirão para melhorias aqui também, pois sou daquelas que colhe inspiração em qualquer lugar.

Por hora, duas notícias bacanas:
1. Dia 05/set vai ter post bem legal pro desafio DIY Coletivo. Eu me organizei e preparei o projeto com bastante antecedência! Foco, organização e menos procrastinação! Lembra? 

2. Minha casa tá no HomeSweetener, blog que a queridona Erica ("the boss" do DIY Coletivo SOS Decor) escreve lá da Austrália! Tô muito chique, né? Pois é! Aceitei seu convite, e agora minha casa tá lá na coluna Casa de Blogueira. Te convido a visitar. Aceita? Por aqui, então. :)


terça-feira, 5 de agosto de 2014

DIY COLETIVO: Operação ressurreição ou Trazendo de volta à vida um móvel mortinho


Mais um mês se passa e já está na hora da blogagem coletiva da Equipe SOS Decor. Hoje trazendo de volta à vida um móvel mortinho, coitado! 
Minha escolha foi uma cadeira de balanço que ganhamos há alguns anos. A história é a seguinte: meu sogro foi submetido a uma cirurgia e passou por algumas restrições. Daí que nós tínhamos uma chaise longue que seria mais confortável para ele, na ocasião, do que a poltrona de seu escritório. Então nossa chaise mudou-se para a casa de meu sogro e não voltou mais. :) Sem traumas, fiquem tranquilos! Ficamos felizes pois foi realmente útil a ele. Bem mais do que era em nossa antiga casa. O fato é que ele quis nos dar algo em retribuição e nos presenteou com uma cadeira de balanço em madeira escura. Por muito tempo, ela ficou assim em nossa casa. Ganhou almofadas, perdeu almofadas, ficou na sala, ficou escondida... Mas não pensamos em nos desfazer dela, pelo presente e também pois a madeira é de ótima qualidade. Até que tivemos um cachorro destruidor, que roeu partes da madeira. Algo precisava ser feito. E foi a partir dessa inspiração que me resolvi por fazer um móvel branco desgastado, lembrando o estilo provençal.
"Abro parênteses" pra te contar que o estilo provençal deriva do modo de vida simples da região sudeste da França, a Provença. Nenhuma novidade. Garanto que você já sabia disso, não é mesmo? Mas você sabia que a origem deste estilo remete ao período entre os séculos 16 e 17, quando as famílias camponesas adaptavam o estilo de decorar da época, usando os recursos que tinham para "imitar" as casas da corte? Sabia não, confessa! Daí que eles usavam uma mistura de gesso e cola para cobrir os defeitos de móveis feitos com diferentes tipos de madeira e pouca qualidade. Com o tempo, essa mistura se desgastava dando ao móvel uma aparência envelhecida. E... "corta" para os dias atuais, temos o adorado  e internacionalmente conhecido, "French Country Style". :)


Desta vez não vou mostrar através de passo-a-passo, pois as fotos simplesmente ficaram terríveis. Fotos de uma cadeira lixada, depois fotos de uma cadeira branca, depois fotos da mesma cadeira desgastada, num "cenário de apocalipse", todo forrado de jornal e fita crepe. Conseguiu imaginar? Terrível, né? Sem falar que o pessoal aqui reclamou muito da confusão, pois é claro que não dá pra fazer tudo em um dia. Demora, viu? Tanto que até deixei um tempo (tempão, confesso!) a cadeira toda remendada, em plena sala, como na foto do meio ali em cima.
Depois de histórias, motivações, e causos (kkk!) te conto como fazer uma transformação assim. Vou te dizer o que precisa e te contar como fiz, porque não tem mistério algum, ok?

Você vai precisar de:
1. Massa corrida ou massa especial para imperfeições em madeira. Se você fizer exatamente como eu, pode usar a massa corrida branca, sem medo. Opte pela massa especial para madeira, caso finalize com outra cor que não o branco, evitando assim, tons diferentes no móvel pronto.
2. Fita crepe.
3. Lixas variadas. Você deve "sentir" qual lixa o móvel aguenta sem danificar. Eu usei uma lixa mais grossa para a primeira etapa e finalizei com lixa fina. Quanto maior o número, mais fina é a lixa, ok?
4. Tinta spray branco fosco. Usei duas latas.
5. Verniz spray fosco.

E vai fazer assim, ó:
1. Lixe a cadeira inteira. O objetivo é retirar o verniz. Use uma lixa mais grossa, mas vá com calma pra não deixar a cadeira riscada. Se for preciso, troque para uma lixa mais suave.
2. Limpe a cadeira com um pano úmido, para remover todo o pó e deixe secar bem. 
3. Com a fita crepe, proteja as partes metálicas (as molas do balanço).
4. Proteja muito bem o ambiente no qual você vai realizar a pintura, com jornal, papelão... Enfim, você quer pintar apenas a cadeira, não um ambiente inteiro, né?
5. Pinte com aquela orientação geral pra tinta spray: primeira demão superficial, sem pretensão de cobrir tudo logo de cara, ok? Dê quantas demãos forem necessárias para cobrir bem o móvel. Eu dei três demãos e depois mais uns retoques em algumas partes.
6. Depois da tinta bem seca, use a lixa mais fina para desgastar várias partes da cadeira, caprichando nos contornos, simulando o desgaste natural pelo uso.
7. Limpe bem, retirando toda a poeira.
8. Finalize com verniz fosco.



Agora só falta um pelego macio sobre a cadeira, não acha? Vou providenciar. Mas isso vai ter que esperar, porque se eu te contar a correria da minha vida, você vai ficar com pena de mim. Este post só está aqui hoje porque realizei este projeto com bastante antecedência. ;)

E você, bora conhecer as operações das outras colegas da equipe SOS Decor? Clique nas imagens abaixo, se inspire bastante e mande seu projeto pra gente divulgar lá na fanpage do DIY Coletivo, tá?








O DIY Coletivo SOS Decor é um coletivo de blogueiras que adoram um desafio para transformar, elas mesmas, suas casas em verdadeiros "sweet homes". Aqui o bom, bonito e barato se encontram sob forma de boas ideias. Visite nossa fanpage. Você pode participar também.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...